quinta-feira, 26 de setembro de 2013

DILMA EXPLICA PORQUE O BRASIL É INTERESSANTE KKKKKKK

Foto: Se alguém entender o que essa estúpida quis dizer com esse converseiro todo, por favor, não me avisem.
6/09/2013
às 12:43 \ Sanatório Geral
Neurônio organizado
“Tem uma infraestrutura muito importante para o Brasil, que é também a infraestrutura relacionada ao fato de que nosso país precisa ter um padrão de banda larga compatível com a nossa, e uma infraestrutura de banda larga, tanto backbone como backroll, compatível com a necessidade que nós teremos para entrarmos na economia do conhecimento de termos uma infraestrutura, porque no que se refere a outra condição, que é a educação, eu acho importantíssima a decisão do Congresso Nacional do Brasil em relação aos royalties”.

Dilma Rousseff, em entrevista coletiva em Nova York, após brilhar na abertura da Assembleia Geral da ONU, capturada por Celso Arnaldo ao dar ao mundo um exemplo da força da organização das noções unidas.Se alguém entender o que essa estúpida quis dizer com esse converseiro todo, por favor, não me avisem.
6/09/2013
às 12:43 \ Sanatório Geral
Neurônio organizado
“Tem uma infraestrutura muito importante para o Brasil, que é também a infraestrutura relacionada ao fato de que nosso país precisa ter um padrão de banda larga compatível com a nossa, e uma infraestrutura de banda larga, tanto backbone como backroll, compatível com a necessidade que nós teremos para entrarmos na economia do conhecimento de termos uma infraestrutura, porque no que se refere a outra condição, que é a educação, eu acho importantíssima a decisão do Congresso Nacional do Brasil em relação aos royalties”.

Dilma Rousseff, em entrevista coletiva em Nova York, após brilhar na abertura da Assembleia Geral da ONU, capturada por Celso Arnaldo ao dar ao mundo um exemplo da força da organização das noções unidas.

CELSO DE MELO, O JUIZ DE MERDA, AGORA ATACA A IMPRENSA PARA JUSTIFICAR A SUA COVARDIA

Se alguém ainda tinha dúvida que o ministro Celso de Mello teria se acanalhado ao votar pela aceitação dos "embargos infringentes" agora não tem mais.
 

Estas duas entrevistas, concedidas ao Jornal Integração, de Tatuí, sua terra natal e à Mônica Bérgamo, feroz defensora do lulo petismo e especialmente de josé dirceu, dada a sua ligação com o advogado dele, demonstram claramente a sua absoluta falta de argumentos para justificar seu voto. 
 
Reinaldo Azevedo, que sempre defendeu as posturas desse ministro, analisou as entrevistas e desmontou a argumentação de maneira magistral (leia aqui)
 

Então, numa argumentação própria de dos covardes, Celso de Melo, o "Juiz de Merda"  questiona a liberdade de pensamento dos que "ousaram", segundo ele, pressioná-lo.
 

Chega ao desplante de declarar que foi o STF quem "deu" a liberdade de expressão ao povo brasileiro e à sua imprensa, COISA QUE SÓ A DEMOCRACIA PODE DAR.
 

Eu e qualquer outro brasileiro lúcido irá entender essas declarações dele como o "Jus Esperneandi" de uma consciência atormentada pela culpa;
 

CULPA POR TER SE ACOVARDADO E FAVORECIDO AOS BANDIDOS.
CULPA POR TER FRUSTRADO O DESEJO DE JUSTIÇA DOS BRASILEIROS DE BEM,
CULPA POR TER REDUZIDO A ESTATURA DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL À SUA POUCA ESTATURA MORAL,
CULPAS ENFIM, QUE O "JUIZ DE MERDA" IRÁ CARREGAR PARA SEMPRE.
DOS COVARDES A HISTÓRIA NÃO FALA, CELSO DE MELO, E QUANDO FALA, FALA MAL.

terça-feira, 24 de setembro de 2013

MAIS MÉDICOS - ALGUMAS PERGUNTAS A ALEXANDRE PADILHA - PARTE I

Comentar política no Brasil está se tornando uma tarefa para comentarista policial.

Os escândalos, roubos, desmandos e atentados às liberdades democráticas são tantos que, se abordados pela sua real figura, estariam sendo narrados pelo Datena, Marcelo Rezende, etc.

Enquanto o país sai para as ruas exigindo seriedade administrativa, honestidade com o dinheiro público, punição para os ladrões do erário, além de SAÚDE, EDUCAÇÃO, SEGURANÇA E TRANSPORTE DIGNO, a presidente da república, nos responde com uma proposta de consulta popular para reformular a política e um mal explicado
"Programa Mais Médicos", que, segundo consta, pretende importar milhares de "médicos cubanos", sem que a sua capacidade seja aferida conforme leis e estatutos do país.

O programa "Mais Médicos" tem despertado reações contrárias não só no meio médico. A desconfiança e rejeição atinge também uma grande parte da população, de todas as camadas sociais, a ponto do próprio Ministro da Saúde, Alexandre Padilha tentar, em vão, justificar-se, tanto na imprensa como nas redes sociais.

Em uma dessas tentativas (no Twitter) o ministro da saúde argumentava em defesa do programa que o "Mais Médicos" vai fazer chegar o atendimento aos locais mais distantes, onde médicos Brasileiros se recusam atender.

Então, eu elaborei umas perguntas, algumas que já foram feitas e não respondidas, outras que permeiam a minha mente paranoica e vou fazê-las por partes; a primeira sobre os médicos e a segunda sobre estrutura.

MEDICOS
1 - Sabe-se hoje que os médicos cubanos estão sendo preparados há 18 meses para virem ao Brasil, então eu pergunto: Porque o Ministério da Saúde não abriu diálogo com o CFM e CRMs para arredondar a questão da aferição de capacidade, deixando para a última hora a questão, mesmo sabendo que isso iria gerar confronto e desgaste?
2 - Supondo como verdadeiras as afirmações do ministério da Saúde sobre a capacidade dos médicos cubanos, porque isentá-los de serem avaliados pelos órgãos competentes conforme legislação em vigor?
3 - A situação contratual dos médicos cubanos, pelo que o ministério da Saúde tem dado a entender limita-se ao atendimento exclusivo para pacientes do SUS, o que viola a nossa Constituição quanto ao Direito do Livre Exercício Profissional, e ainda no Direito de Ir e Vir, posto que estes ficarão confinados em seus locais de destinação, sendo-lhes vedado outra atividade ou deslocamento. Isso é VERDADE, E SE FOR, PORQUE LANÇAR MÃO DE EXPEDIENTES INCONSTITUCIONAIS?
4 - Supondo que um desses médicos cometa um erro que revolte a população e seja vítima de agressão ou até mesmo morra, isso irá configurar um Incidente Internacional; Quem irá responder por isso?
5 - O país possui uma Legislação Trabalhista, sendo um dos poucos países do mundo a ter um Tribunal Especializado, mas a legislação a reger o trabalho desses médicos É a a cubana. PORQUE?
6 - Qual o receio do Governo, e especialmente a Ministério da Saúde em tornar público o CONTRATO FEITO COM CUBA?
7 - A remuneração oferecida pelo governo federal atraiu milhares de profissionais brasileiros, mas, a exiguidade do prazo de inscrição e "bugs" no programa de cadastramento impediram que a maioria deles se inscrevesse, então, porque não reabrir essas inscrições com um prazo mais elástico?
8 - Ainda falando em remuneração, esse salário de R$ 10 000,00 é muito mais do que a maior parte dos Estados e Prefeituras suportam pagar para os seus contratados, o que vai gerar uma discrepância e um ponto de atrito entre médicos e poder público e nos faz pensar que a real intenção do governo é federalizar a Saúde pública, hoje, estadualizada e municipalizada; ISSO É CORRETO? Se não, como o governo federal pretende administrar os conflitos que certamente advirão?
9 - Os médicos do SUS atendem em 3/4 horas dia uma média de 15/20 pacientes, quantos pacientes/dia está previsto para os cubanos atenderem?
 10 - Suponha que um desses profissionais engravide uma moradora, (como eu vi acontecer em Angola nos anos 80, quando o exército cubano deixou milhares de bastardinhos por lá) isso lhes daria direito à cidadania como previsto na Constituição?

Na próxima postagem analisarei a ESTRUTURA ... Por hora acredito que o Padilha já tem diversão o suficiente.