terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

O PREFEITO SOME E REAPARECE, ARROTA FACTÓIDES E NINGUEM DESMENTE

HADDAD O PREFEITO SUPER COXINHA
São Paulo, a maior cidade da América do Sul e Terceiro orçamento da União, viveu ontem mais um dia de CAOS.

Outra chuva forte e outra enchente.

O problema das inundações paulistanas é mais que conhecido, bem como as suas causas, que são a excessiva impermeabilização do solo e a ocupação irregular e desordenada das áreas de expansão do rios e córregos, também chamadas de Áreas de Várzea.

O que ocorreu de extraordinário na inundação de ontem é que o PREFEITO SUMIU !!

Ao melhor exemplo do seu criador, lula, o prefeito haddad desapareceu quando a dificuldade apareceu, para retornar no dia seguinte arrotando factóides, devidamente escoltado pelo lixo da imprensa canalha, o jornal(?) Folha de São Paulo.

Eis que este legítimo representante  da sub-imprensa estampou como matéria de capa: "HADDAD PRESSIONA ALCKMIN PARA CRIAÇÃO DE INSPEÇÃO VEICULAR PAULISTA" como se esse moleque de recados do lula pudesse "ordenar" algo ao governador do Estado de São Paulo, e, caso não seja atendido, o papagaio de bravateiro completou: "caso não seja atendido vamos multar os veículos de outros municípios que circularem mais de 120 dias por ano dentro da cidade de São Paulo e não fizerem a inspeção."

ALCKMIN, O PICOLÉ DE CHUCHU
O pior de tudo é que não li nada que desmentisse essa nota, ao contrário, o próprio governador postou no Twitter, logo pela manhã, que iria "se encontrar com o "prefeito haddad" e bancadas de deputados e senadores paulistas para ouvir sugestões", alimentando o factóide do boneco de ventríloquo.

Resta-nos esclarecer que:
1 - Nem que se construa 1 milhão de piscinões vai se resolver o problema das inundações Paulistanas, pois, da maneira como a cidade se desenvolveu, ELA É um piscinão, e só deixará de ser quando devolverem ao rios e córregos as suas áreas de várzea e desempermeabilizarem o solo em um nível aceitável, coisa impossível de acontecer.
2 -  A cidade de São Paulo faz divisa com 21 municípios, sendo que muitos deles são "cidades dormitório", pois a maioria das suas populações, trabalha em São Paulo, só retornando a elas para dormir, e, obrigar a esses contribuintes se submeterem a essa exigência viola a Constituição Federal inúmeras vezes.
3 - O QUE A INSPEÇÃO VEICULAR TEM A VER COM O PROBLEMA DAS INUNDAÇÕES?

Isso posto, e, sabedores que somos de que o Governador Geraldo Alckmin não ignora estes fatos, e nem o que foi divulgado pelo lixo da imprensa que é a Folha, só nos resta perguntar a ele:
1 - Porque o Palácio dos Bandeirantes não emitiu nota, logo pela manhã, colocando esse moleque no seu devido lugar?
2 - Porque o Governo do Estado está se deixando pautar pela incompetência do atual prefeito, mesmo sabendo que tudo não passa de factóides que poderão ter consequências desastrosas para o povo paulista num futuro próximo?

São Paulo, (cidade e estado) Governador, é muito maior que o LULO-PETISMO, e, tenho certeza que o seu povo não lhe faltará, caso tenha que se envolver numa luta do bem, do povo de  São Paulo que trabalha e sustenta o Brasil, contra o mal, que é o lulo-petismo, do qual o atual prefeito da cidade de São Paulo é lidimo representante.

Não se acovarde Governador,  pois covardia é uma das poucas coisas que o povo trabalhador e valente que o elegeu não tolera ou perdoa.

O LEMA DA BANDEIRA DO ESTADO QUE VOCÊ GOVERNA É "NON DUCOR, DUCO" ...
CONDUZA, GOVERNADOR!!








segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

O HOMEM PAPA - A VISÃO DE UM ATEU

Engana-se redondamente aqueles que imaginam que o Vaticano, um país independente de apenas 44 km2, é um amontoado de padres, bispos e cardeais que vivem a rezar e cantar hosanas, e que o papa é o regente desse coro celestial.

O papa é o chefe de um Estado que tem a responsabilidade de administrar uma população de quase 1 bilhão de pessoas, distribuídas pelos 5 continentes, com visões heterogêneas das coisas da religião.

Some-se a isso a responsabilidade de administrar um patrimônio incalculável, também espalhado pelo mundo todo e uma fortuna maior que o PIB de muitos países, também diluída no mercado financeiro e acionário, sendo que a grande maioria desses interesses são conflitantes com o que prega a Igreja e você verá que o papa tem que ser um homem de ação, ao mesmo tempo em que finge pastorear almas.

Quem imagina o papa como sendo um velhinho que foi escolhido pela sua bondade e religiosidade não imagina a têmpera em que esses homens são forjados. 

São 180 cardeais espalhados pelo mundo, vivendo problemas administrativos de chefes de estado, como guerras internas, intrigas políticas, desarranjos morais e financeiros dentro de suas regiões, tendo que fazer os acordos mais inortodoxos para levar a bom tempo suas missões, e são estes os homens que se reunirão em Conclave para escolher quem será o próximo administrador supremo dessa Urbe. 

Supõem-se que o melhor deles seja o escolhido, o "Primo Inter Pares", o Primeiro Entre Iguais, mas, quais características diferenciariam um homem dentre homens tão iguais?

O astuciosíssimo Joseph Ratzinger já deu a pista do que deverá ocorrer e quais serão os diferenciais que esse homem deverá ter ao criticar abertamente o "Concílio do Vaticano" e destaco uma frase:
  A hermenêutica da descontinuidade arrisca-se a acabar numa ruptura entre a Igreja pré conciliar e pós conciliar".  ou seja, nada de progressismos e esquerdismos, como forma de fazer  crescer a Igreja, pois isso representa um risco de uma ruptura interna insanável no seio da Santa Sé.

Nada de tentar adaptar a Igreja aos novos tempos, como se ela dependesse de modismos para a sua sobrevivência, e sim preservar a Igreja como forma de fé e não de modismos.

Talvez tenha sido esta a razão do seu suposto afastamento da América Latina, hoje, quase que totalmente tomada por bispos e cardeais equerdopatas e progressistas. 

Alea Jacta Est ... A sorte está lançada; agora é aguardar que a fumaça branca saia pelas chaminés da Capela Sistina. 

 



domingo, 17 de fevereiro de 2013

O BRASIL TEM 14 DAS 50 CIDADES MAIS VIOLENTAS DO MUNDO - E A REDE GLOBO NÃO VAI CONTAR PARA VOCÊ.

A revista Exame trouxe uma matéria estarrecedora que infelizmente será ignorada pela grande imprensa: 
DAS 50 CIDADES MAIS VIOLENTAS DE TODO MUNDO, 14 SÃO BRASILEIRAS.

Ao ler a chamada da matéria, corri abrir para ver em que lugar São Paulo estava, e ... Decepção! 

São Paulo, a cidade que Rede Globo e outros lixos classificam como UMA CIDADE VIOLENTA, não figura nesta lista.
A cidade de São Paulo, com uma população de quase 12 milhões de habitantes e uma taxa de mortalidade violenta de11 (onze) assassinatos por grupo de 100 mil habitantes, assim como Rio de Janeiro, com 25 (mais que o dobro de SP) não constam dessa lista, sendo que Maceió, uma cidade de apenas 950 mil habitantes figura em terceiro lugar na pesquisa, com 135,6 mortes assassinatos por grupo de 100 mil habitantes.

MAPA DA VIOLÊNCIA
Posição no ranking Cidade Estado Homicídios por 100 mil habitantes
Maceió AL 135,26
10º Belém PA 78,04
17º Vitoria ES 67,82
22º Salvador BA 56,98
26º Manaus AM 56,21
27º São Luís MA 50,85
29º João Pessoa PB 48,64
31º Cuiabá MT 48,32
32º Recife PE 48,23
36º Macapá AP 45,08
37º Fortaleza CE 42,90
39º Curitiba PR 38,09
40º Goiânia GO 37,17
45º Belo Horizonte MG  34,40
(Reportagem completa aqui)




É curioso notar que os maiores índices de violência urbana estão em capitais do Norte/Nordeste, e um dado surpreendente, Curitiba, uma capital que sempre se julgou pacífica e segura, aparece em 39º lugar, com mais de 38 assassinatos por grupo de 100 mil habitantes.










Então, cabe aqui uma pergunta: porque o Grupo Globo, Folha de São Paulo e Estadão insistem em mostrar São Paulo como o cúmulo da cidade violenta?







Que interesse têm, esses e outros veículos de comunicação em mentir e denegrir o Estado que mais contribui para a formação do PIB Brasileiro?






É alarmante o resultado dessa pesquisa por mostrar a real situação da violência urbana no Brasil, e mais alarmante ainda por sermos responsáveis por 28 % das cidades mais violentas do mundo.








Mas, o que mais impressiona é o empenho com que os MAIORES GRUPOS DE COMUNICAÇÃO DO BRASIL se empenham em contar mentiras, distorcer e esconder estatísticas e números, prestando um enorme desserviço aos seus espectadores e leitores, com a finalidade única de esconder a incompetência dos atuais dirigentes Brasileiros.






Que o lulo-petismo acabou com a dignidade de grande parte dos brasileiros que hoje se deixam comprar pelas "bolsas tudo" é um fato, como é fato que essa mesma quadrilha enlameou quase todas as instituições do país, pois dos três Poderes que compõem a Republica, apenas o Judiciário ainda não está totalmente befejado pelo hálito podre da corrupção, mas assistir a este triste espetáculo de estelionato informativo que a GRANDE IMPRENSA brasileira nos brinda é enojante demais.