terça-feira, 28 de outubro de 2014

O PT É REFÉM DO PMDB. MICHEL TEMER SÓ NÃO SERÁ PRESIDENTE SE NÃO QUISER

Pouca gente atentou para um fato, mas esse fato preocupa, e muito o PT ...
O Fator PMDB de Michel Temer.

O PT, sem o PMDB não é nada, e o vice presidente, é, por coincidência, o Presidente do PMDB.

Caso o presidente da república venha a sofrer um processo de impeachment, ou impedimento na linguagem tupiniquim, quem assume é o vice.

Se esse impedimento ocorrer ao final do mandato de um presidente reeleito, o vice assume e convoca novas eleições num prazo máximo de 90 dias; caso esse impedimento venha a ocorrer depois de empossado, o vice completará o mandato para o qual foi eleito.

Para que o processo de impedimento ocorra quem deve encaminhar o pedido é o presidente da câmara; é ele quem decide se aquiva ou encaminha para a abertura do processo.

Estamos ao final do mandato de Dilma Rousseff, e existe um consenso em quase que a totalidade dos partidos de que, o que importa é apear o PT do poder, não importando quem vá assumir.

Agora, raciocinem comigo:
O PT ficou com 70 deputados para a próxima legislatura, o PMDB com 66,  e o PSDB 54, e, a câmara tem hoje uma composição muito estratificada, portanto, vai exigir um prolongado trabalho para o PT recompor a sua base de apoio.

Ao contrário do PT, Michel Temer tem um diálogo razoavelmente tranquilo com o PSDB, PSB, SD e PROS o que seria um facilitador numa eventual composição.

O atual presidente da câmara, a quem caberia decidir sobre uma eventual abertura de procedimento de Impeachment é do PMDB, e é um homem de confiança do Michel.

Henrique Eduardo Alves, presidente da câmara, foi traído por Lula e Dilma na sua pretensão de se tornar governador do Rio Grande do Norte, pois, Dilma não manifestou apoio, e Lula apoiou o candidato do PSB, ficando ele,sem mandato por 4 anos.

Supondo-se que Henrique Eduardo Alves aceite um dos 14 pedidos de impedimento que estão em sua mesa, mesmo que o julgamento dele passe para a nova legislatura, o processo não é alterado.

Passando para a nova legislatura, com a atual composição de forças, Michel Temer não teria nenhuma dificuldade de compor-se com PSDB,(54 votos) DEM,(22) PSB, (34) PROS (11) e SD, (15) PPS, (10) PEN (2) PTB (25) e, isso somado aos 66 deputados do PMDB e ao consenso atual da necessidade de apear o PT do poder, não teria grandes dificuldades em aprovar o IMPEACHMENT da presidentA Dilma Rousseff.

Resta saber se o Vice Presidente Michel Temer quer ser Presidente do Brasil. Eu acho que ele quer.






quarta-feira, 17 de setembro de 2014

DIGNISSIMO FILHO DA PUTA - TEXTO IMPERDÍVEL DO "ALERTA TOTAL"

Digníssimo Filho da Puta


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Autor Desconhecido

Pelo presente instrumento, venho dirigir-me a vossa excelência. Com minúsculas e na segunda pessoa, pessoa de segunda que és, mauricinho de nariz empertigado. Tu, que te ocultas, sorrateiro, por trás dessa impecável e pretíssima toga de bosta.

Tu que recebes aprumado a reverência do país de joelhos à espera de tuas soberanas e irretocáveis decisões peremptórias.

Tu que estás imbuído da divina prerrogativa, intransferível e vitalícia, de julgar e decidir o destino dos homens que habitam o mundo dos vivos, já que o dos mortos foge à tua jurisprudência, instância suprema à do teu supremo.

Embora nutras anseios em manter paridade e equiparação divina com Aquele que exerce tal competência. Tu, cordeiro em pele de urso, que reclamas indignamente indignado por direitos inalienáveis e vives na intimidade inescrutável da tua vida privada de tramoias inconfessáveis. Tu mesmo, nobre calhorda, que de tanto exercer o ofício de julgar os outros, julgas-te acima dos outros.

Venho oficiar-te, honorável patife, que há mais retidão e honra na palavra espontânea e honesta que brota do coração de um humilde iletrado do que no alfarrábio que sustém tuas áridas, infindáveis, mirabolantes e ordinárias sentenças. As mesmas que revestes, impávido, em capa dura, fazendo-as constar com letras douradas dos anais que ostentas nas prateleiras intermináveis onde expões tua soberba grandiloquência farisaica e tua rocambolesca sapiência estéril.

Amealhas com vileza recursos tomados do povo injustiçado para manter intacto esse intrincado e indecifrável sistema, tão inócuo quanto iníquo, que qualificas cinicamente de Justiça, a fim de cobrir com aura de magnificência e infalibilidade essa espetaculosa e suntuosa pantomima patética e embusteira a fim de deixar boquiabertas as legiões dos sem justiça desse país, mantendo-os sob o jugo do teu julgar.

Cultivaste esse interminável cipoal de leis, decretos, normas, códigos, tratados, regimentos, resoluções, regulamentações, pareceres, dispositivos, medidas provisórias e embargos infringentes, para reservares a ti próprio o monopólio do conhecimento e das práticas a ti outorgadas (adivinha!) “por lei”, afastando o povaréu “abestado” de teu demarcado território. Para que, na mesma medida em que amplias a doutrina do direito, reduzas o primado da justiça.

Sai da tocaia, egrégio velhaco. Desce desse palácio de letras, capítulos, parágrafos, alíneas, incisos, caputs e cláusulas em que te enclausuras. Cumpre salientar, excelentíssimo pústula, que as ruas, caso não observes do palácio que construíste, sem decurso de prazo, para te isolares da realidade de fato e de direito, estão repletas de malfeitores que pomposamente livrastes das masmorras. Não por um sentimento benevolente de perdão ou por uma crença abnegada no poder de recuperação humana mas por um displicente pragmatismo jurídico.

Delinquentes de toda a espécie a quem remistes da pena, hoje libertos de punição, em uníssono, zombam, sob tua retumbante indiferença, dos tolos que se pautam em princípios e honradez.

Sob o manto do teu garganteado “estado de direito”, canalhas, corruptos, patifes, ladrões de todas as espécies ascenderam aos postos de direção com a tua serena condescendência. Mais: com a tua cruel cumplicidade. São estes que tratas com a mais alta leniência, amparando-os com a força irrefutável da lei, draconiana indulgência e intolerância zero. Cobrindo a impunidade com o manto legalista da imunidade.

Todo teu empenho é de não punir. Inocentes ou culpados, pouco importa. “In dubio pro reo”, desde que teus honorários sejam quitados “in specie” com correção, exatidão, integridade e... justiça.

E assim, por todos os pretextos, vais libertando das grades todos os poderosos tubarões, reservando os horrores dos calabouços aos despossuídos que não participam do pecúlio que sustenta a devassidão moral que apadrinhas, consagrando esse país como o paraíso da impunidade.

Os princípios de retidão e civilidade estão dentro de nós (e fora de ti). Num mundo de justos, tua justiça não se ajusta.

E aí, bonitão? Vais me encarar? Vais engrossar? Pra cima de moi, doutorzinho? Não gostaste? Indicia-me por desacato, perjúrio, injúria, o cacete. Apresenta queixa-crime por difamação, filho da mãe. Colocas-me na prisão. Faz um arresto dos meus bens. Pois não vou ficar calado ante tua sacripanta e rocambolesca farsa.

Data vênia, vai pra p (*) que te pariu.

Não se acomode. Precisamos acabar com a "República da farra, da farsa, do cinismo e do deboche”, em que se transformou o nosso querido Brasil. 

Nota da Redação do Alerta Total - O texto acima circula na internet tendo sua autoria atribuída a Sergio Sayeg - Escritor, Professor e conselheiro empresarial – autor do livro “O que de mim sou Eu”. Pelo estilo dos trabalhos no site dele (www.oquedemimsoueu.blogspot.com.br), nada indica que tenha realmente sido escrito por ele. Mas está de parabéns quem escreveu... E nós publicamos, invocando a liberdade de opinião decretada ontem pela Presidenta Dilma Rousseff...

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

A CONTADORA DE YOUSSEFF É AMEAÇADA PELA MÁFIA - ATENÇÃO POLÍCIA FEDERAL!!

Li e reli as reportagens de VEJA desta semana, e a conclusão que cheguei é que a matéria que mais novidades traz foi a que trata da ameaça à contadora de Alberto Yousseff, a senhora Meire Poza, e eu explico:
O que Paulo Roberto Costa já disse à polícia e a justiça, de uma certa forma já era de conhecimento público, e a sua importância residirá na qualidade dos documentos que apresentará para provar o que foi dito, e, como esses mesmos documentos serão recepcionados e tratados pelo suspeitíssimo ministro do Supremo Tribunal Federal, Teori Zavascki.
O ponto alto da oitiva foi a inclusão do mega bandido Lula no rol dos envolvidos, coisa sobejamente sabida pelo brasileiro, mas, nunca, ninguém ousou citar seu nome, e PRC o fez.
De resto, o envolvimento do PT, PMDB e PP nas maracutaias, já haviam sido noticiadas de forma separada em várias matérias de VEJA e outras publicações.


  

Que Nestor Cerveró morava num apartamento que não caberia no seu salário também era sabido, assim como o seu envolvimento com a bandidagem que corre solta na Petrobras.




 Agora, a matéria que trata da ameaça sofrida por Meire Poza, a contadora de Alberto Yousseff, é um fio importante dessa meada enlameada de petróleo.
Em resumo; Meire gravou uma conversa que teve com um "emissário da Máfia."
Um homem, de nome Edson, se apresentando como advogado, e tudo indica que seja, pois Meire o conheceu no escritório do advogado Carlos Alberto da Costa Silva, que, segundo ele,é encarregado da coordenação de um grupo de advogados que tratam dos interesses de algumas das maiores empreiteiras do país, não só ameaçou Meire, como também, veladamente citou a sua filha.
Citando nomes dos seus supostos representados, Camargo Correa, UTC, OAS e CONSTRAN, o tal Edson insistiu para que Meire aceitasse ser orientada por advogados indicados pelos seus clientes, pois, uma palavra mal colocada poderia por a perder interesses de gente muito poderosa, e, diante da recusa desta, no melhor estilo da Máfia, disse que ela "fazia parte de um grupo fechado", onde um protege o outro, mas, ao sair dele a tornaria passível de represálias.
Pelo que eu pude notar, pouca importância foi dada a essa matéria, mas ela tem importância crucial na ordem dos fatos.
Ameaças, veladas ou não, são sinais evidentes da importância dessa testemunha na elucidação de mais este caso de assalto aos cofres públicos capitaneados pelo PT e PMDB, pois este tipo de atitude indica desespero, e o desespero é o melhor sinal de que o caminho das investigações está certo.
Depois desta matéria o panorama começou a se aclarar; temos o nome das empreiteiras, do escritório de advocacia e a razão para as ameaças, cabe à Polícia Federal investigar.

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

20 ANOS, 3 GOVERNOS. UMA TRAGÉDIA EM 3 ATOS.- PARTE I - FHC

              FHC
Desde que Itamar Cautiero Franco entregou a faixa presidencial a Fernando Henrique Cardoso até os dias de hoje são decorridos quase 20 anos.

Nesses anos todos o Brasil viveu 2 fases distintas: nos primeiros 8 anos o país amadureceu, ganhou corpo.
Nos últimos 12 anos o país apodreceu, perdeu vigor.

Para analisarmos os últimos 19 anos da história da República temos que lembrar alguns fatos passados.

Itamar recebeu o país em frangalhos. Não bastassem os 5 anos desastrosos do governo Sarney e o desastre que foram os 2 anos do governo Collor de Mello, os 2 governos pautados  por inflação desenfreada, seus planos econômicos mirabolantes e corrupção em alta, avizinhava-se uma forte crise financeira mundial, e o Brasil, mergulhado numa inflação galopante iria ser pego em cheio.

Numa atitude de coragem Itamar jogou todas as suas fichas num plano econômico que respeitava contratos, e não prometia outro milagre que não fosse a Estabilização da Moeda. Criava-se o PLANO REAL.
Fernando Henrique, então ministro da fazenda, dirigiu a implantação do plano real com pulso firme e serenidade, sem estrelismo, uma das razões do sucesso do plano.
Esse sucesso pode ser sentido quase que de imediato; eleito presidente, a inflação, até então galopante e indomável, já estava em patamares aceitáveis.

Estadista e preparado, Fernando Henrique soube formar uma equipe econômica competente, e formar um ministério "pouco" sofrível, dentro do que o perverso sistema político brasileiro permite.
Outra atitude de estadista; sem se preocupar em marcar seu governo, não desfez as boas coisas de governos anteriores, e até as ampliou.

O governo Collor havia banido a famigerada "lei da informática" que deixava o consumidor brasileiro nas mãos dos cartéis nacionais, e abriu as importações de veículos. Nos 2 casos, a abertura se deu para produtos acabados e não previa a importação de tecnologia; FHC ampliou o alcance dessas medidas, permitindo a importação de tecnologia o que fez do Brasil avançar.

Com a inflação em queda, e com a melhora forçada do parque industrial brasileiro que começou a se preparar para enfrentar a concorrência externa, era preciso cuidar do sistema financeiro, que estava  acostumado com a indexação, a gorda teta que alimentava a inflação e propiciava lucros fabulosos aos banqueiros, e isso foi feito. Bancos competentes ficaram, os incompetentes quebraram. Sistemas de proteção e vigilância do sistema financeiro foram criados, e o sistema financeiro brasileiro ganhou credibilidade internacional.

O Estado brasileiro era pesado, oneroso e ineficiente, e, para o país avançar era preciso tirar o peso do Estado, o que foi feito debaixo de muitas críticas. Começavam as privatizações. Vale do Rio Doce, CSN e outros tantos cabides de emprego para apadrinhados políticos foram vendidos para a iniciativa privada, e com isso o Brasil se tornou competitivo, modernizou seu parque industrial e a economia se estabilizou.

Mas, nem tudo corre como a gente quer, e, a crise financeira mundial prevista ainda no governo Itamar se abateu sobre a economia brasileira, que ainda não estava totalmente preparada, e isso gerou um estrago de enormes proporções.
Primeiro o México e depois os países asiáticos quebraram arrastando a economia mundial, que ensaiava os primeiros passos rumo à globalização, na avalanche, e isso fez com que o Brasil tivesse que recorrer ao FMI para não quebrar também.

Os avanços do parque industrial e do sistema financeiro esbarraram em um outro entrave: as comunicações.
O sistema de comunicações brasileiro estava travado e o governo não tinha como investir na ampliação e modernização dele, e sem isso, tudo o que havia sido feito até então seria perdido, então, numa atitude corajosa FHC, magistralmente assessorado por outro Brasileiro com B maiúsculo, o Engenheiro Sérgio Motta, privatizou o sistema de comunicações e isso provocou convulsões na oposição, que ainda usa esse fato como propaganda eleitoreira, mas, não fosse isso, estaríamos pagando USD 2,000.00 (isso mesmo) 2 mil dólares por uma linha telefônica ou esperando 2, 3 e até 4 anos para conseguir uma.
Para os mais jovens, acostumados a trocar de celular 2 vezes por ano quase sem custo, e a ter neles internet rápida, é bom que saibam que uma linha telefônica era tão rara e cara que tinha que ser declarada no Imposto de Renda.

Para dar consistência a essas mudanças foram criadas as Agências Reguladoras, que tinham a função de administrar o cumprimento de contratos e dirimir dúvidas e conflitos.
Essas agências eram formadas por técnicos e davam segurança aos investidores e aos brasileiros.

Com uma situação de estabilidade, era chagada a hora de pensar no Social, e é aí que entra outra excepcional brasileira, Dona Ruth Cardoso.
Usando sua experiência de anos de estudos sociológicos sugeriu a criação de bolsas, mas com tempo determinado de duração, com parâmetros rígidos para a concessão e com investimento também na formação dos beneficiados, proporcionando-lhes uma "porta de saída".

Não há como se negar que erros e denuncias de corrupção existiram no Governo Fernando Henrique Cardoso. Dentre os erros vale destacar o descaso para com a iminente crise energética, e quando a mesma se fez sentir o contribuinte pagou uma conta pesada e sofreu com apagões.
Dentre os casos não explicados de corrupção o mais emblemático foi do Bancos Marca e Fonte/Cindan, que deram um prejuízo enorme ao país e envolveu o Presidente do Banco Central.

Entre erros e acertos, o balanço dos Governos FHC foi positivo por ter modernizado o país no diz respeito ao sistema financeiro, modernização do parque industrial, a retirada do peso do estado nas relações comerciais e sobretudo, pela modernização da telecomunicação.


Nesse clima, em 1º de Janeiro de 2003, o sociólogo Fernando Henrique Cardoso entrega a faixa presidencial ao líder sindical Luís Inácio Lula da Silva.








segunda-feira, 14 de julho de 2014

O QUE DEU ERRADO NA COMPRA DA COPA DAS COPAS.

Não sei se querem a minha opinião, mas mesmo assim eu vou dar:
PARA MIM, A COPA DAS COPAS, ESTAVA SIM, COMPRADA.

A maior evidência disso é essa Renúncia Fiscal de mais de
R$ 1 000 000,00. É isso mesmo, UM BILHÃO DE REAIS que a FIFA alega nunca ter pedido ao governo brasileiro, e, que aliás, nunca tivera antes de nenhum país que sediou Copa.

Oras, a FIFA tem lucros fabulosos com a realização das copas, mas existe um outro segmento que também tem lucros incalculáveis nessas ocasiões:

AS BOLSAS DE APOSTAS.

Como se sabe, nessas bolsas aposta-se de tudo e gigantescas somas em dinheiro são movimentadas por elas.

Nessas bolsas as apostas variam de briga de Galos na China até Briga de Peixes na Tailândia, mas, é no Futebol no Turfe, e hoje nos combates tipo MMA que elas têm a suas principais receitas.

Existem as Bolsas de Apostas Oficiais e a Bolsas Clandestinas.
As Bolsas Oficiais existentes na Inglaterra, Itália e outros países da Europa e Ásia  sofrem regulação governamental, sendo que, as tentativas de manipulação de resultados são punidas quando descobertas.
Um parêntese; Paolo Rossi, o carrasco do Brasil na Copa de 82 tinha recém saído da prisão quando o time italiano foi convocado. Tinha cumprido quatro anos de meio de cadeia por participar de uma manipulação de resultados na TOTOBOLA, a Loteria Esportiva Italiana.

Tanto os dirigentes das Bolsas Oficiais como os das Clandestinas têm estreitas relações com dirigentes esportivos de todas a modalidades e no mundo todo.

Afora as bolsas Oficiais, no mundo todo existem as bolsas clandestinas, que movimentam muito mais dinheiro que as oficiais e são dirigidas por gente nem sempre amistosa com aqueles que prejudicam os seus ganhos.

Isso posto, vamos à minha teoria conspiratória.

As isenções foram concedidas e tudo caminhava bem até que alguns órgãos da imprensa mundial lançaram dúvidas sobre a lisura do certame e o clamor cresceu nas Redes Sociais do mundo todo.

Isso fez com que o volume financeiro dessas Bolsas despencasse a ponto de seus dirigentes pressionarem a FIFA, que, conhecedora do poderio, político, financeiro e criminoso dessa gente voltou atrás e deixou a "coisa correr frouxa".

Essa é a única explicação que eu encontro para o governo brasileiro ter concedido a isenção fiscal nunca antes obtida pela FIFA, isenção esta que a própria FIFA nega ter pedido.

Eu não sei se a verdade sobre esse roubo bilionário chegará a ser conhecida um dia, mas, que onde tem LULA, DILMA, PT E PMDB, a corrupção é a única coisa certa de acontecer.



quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

VOLTA LULA - POR MARCELO MADUREIRA -

Muita gente" está pedindo: VOLTA LULA! (?)
 
 VOLTA LULA! e traga de volta as DUAS REFINARIAS que VOCÊ DOOU para a BOLÍVIA!

VOLTA LULA! e traga de volta os 1,2 BILHÕES DE DÓLARES que VOCÊ "EMPRESTOU" para HUGO CHAVEZ!

VOLTA LULA! e traga de volta os BILHÕES DE DÓLARES que VOCÊ MANDOU para CUBA, HAITI E OUTROS, QUE AQUI TAMBÉM TEM CRIANÇAS MORRENDO DE ANEMIA;
 
VOLTA LULA! e traga de volta os 10,6 BILHÕES DE REAIS que VOCÊ EMPRESTOU para o EIKE BATISTA (SEU TESTA DE FERRO) E QUE AGORA ESTÁ EM SITUAÇÃO PRÉ-FALIMENTAR!

VOLTA LULA! e traga de volta os 25 MILHÕES DE EUROS que VOCÊ LEVOU com a ROSE para PORTUGAL;

Volta Lula, e explica o MENSALÃO, que vc planejou e que tinha o "Quartel General" ao lado da sua sala
...

Volta Lula, e explica o fenômeno "ROSE";

Volta Lula, e explica os 6.000 médicos cubanos;

Volta Lula, e explica a falência do SUS;

Volta Lula e explica onde foi parar a reabilitação da indústria naval brasileira;

Volta Lula e explica os 4,8 bilhões gastos na transposição do Rio São Francisco
onde hoje está tudo abandonado ...

Volta Lula, e explica os 0,20 centavos mais caros do planeta;

Volta Lula e explica os 39 ministérios;

Volta Lula, e explica a falência da Petrobras;

Volta Lula e explica os 20% de inadimplência do programa eleitoral "minha casa minha vida", que os brasileiros que trabalham terão que pagar. Observe também que a taxa de inadimplência de 16% gerou a crise imobiliária de 2007 dos Estados Unidos.

Volta Lula e explica o que aconteceu com o óleo de mamona que ia ser a independência energética do Brasil;

Volta Lula, e explica, o PRE-SAL;

Volta Lula, e explica essa sua criação, o poste "DILMA" que você plantou em Brasilia
...

Volta Lula e explica porque o ministro do supremo Roberto Barroso passou a semana passada (16 a 21/9/013) tentando explicar o contrato milionário que o governo por meio da Eletronorte, concedeu recentemente sem licitação, a seu escritório de advocacia do Rio de Janeiro.

Milhões de Brasileiros estão decepcionados: O LULA ESTÁ MUDO!

Todos sabem que, se o Lula se explicar, O PT E OS ALIADOS SERÃO TRANCAFIADOS!

VOLTA LOGO E VÁ PRA CADEIA TAMBÉM !!!!!!

PEÇO MASSIVA DIVULGAÇÃO !


terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

PRONUNCIAMENTO DO GENERAL PAULO CHAGAS -

UM PRONUNCIAMENTO QUE PARA OS BRASILEIROS DO BEM SIGNIFICA UM LAIVO DE ESPERANÇA.

PRONUNCIAMENTO DO EXCELENTISSIMO GEN PAULO CHAGAS !

Quem não está na linha de frente, não tem o direito de abrir a boca para cobrar resultados, principalmente se for estrangeiro. Quem não faz parte do processo deve controlar seus ímpetos e ser prudente ao emitir opiniões emocionais. 

Não é preciso lembrar nem cobrar das nossas FFAA que tenham a coragem, a dignidade, a honra e o patriotismo de salvar nosso país.
Não se deve confundir a eventual “omissão” de três comandantes militares burocratas das Três Forças com os LÍDERES MILITARES DA ATIVA, totalmente invisíveis à mídia e à população. 
A Sociedade não os conhece. São anônimos. Vivem confinados em suas Bases Militares, comandando suas tropas, treinando seus efetivos, administrando seus parcos recursos e sofrendo tanto ou mais do que cada um de nós, que ama o Brasil. 
Os Militares vivem conosco este momento de incerteza nacional e sofrem tanto ou mais do que nós.
Para os que não se lembram, Militar tem esposa civil. Tem filhos civis. Tem parentes e amigos civis. Os nossos Militares ganham pouco. 
Conhecem a realidade nacional com muito mais precisão do que nós, graças ao Serviço de Inteligência do Exército Brasileiro, que infiltra seus tentáculos em todo e qualquer movimento social. 
Temos uma das (poucas) melhores Forças Armadas do Planeta. Somos internacionalmente reconhecidos. 
Todos os anos, 4 cadetes da Academia West Point – N. Y., USA fazem estágio nas Agulhas Negras, e, 4 cadetes da AMAN, fazem estágio na West Point. 
Nossos generais combatentes (O General Enzo é engenheiro e não combatente) são reconhecidos como sendo detentores de notória formação militar pelas FFAA dos USA e Rússia, por exemplos. Nossas Academias (Escola Naval, AFA e AMAN são consideradas ilhas de excelência em ensino militar no Mundo. Além disso, as FFAA, enquanto instituições, são perenes e transcendem às eventuais ideias contrárias de seus membros não alinhados com o Dever Constitucional. Portanto, não é necessário ofender, gritar, espernear, xingar, tampouco ficar lembrando aos LÍDERES MILITARES (INVISÍVEIS AO OLHO COMUM), suas atribuições, deveres e obrigações. 
Em primeiro lugar, militar não suporta ouvir choro. Em segundo lugar, não há mais o que se preparar. A Força sempre está preparada! Tudo é uma questão de tempo e melhor oportunidade. Entretanto, a questão é por demais complexa. Não estamos falando de se “fechar a boca de fumo da esquina”, estamos falando de uma situação de extrema gravidade que demanda responsabilidade. Uma Guerra Civil pode demorar décadas para ser definida (se o for) e pode destruir uma Nação. Isto não é brincadeira de vídeo-game. Há dezenas de milhões de vidas humanas em risco. Mesmo assim, o dever constitucional jamais deixará de ser cumprido. Jamais! O “timing” dos civis” não é igual ao “timing” dos nossos LÍDERES MILITARES INVISÍVEIS DA ATIVA. 

É bom se prepararem, Amigos, pois o tranco vai ser forte! Quem não acreditar, que comece a orar! Ninguém perderá coisa alguma por esperar.

ARRIBA VENEZUELA - O BRASIL DO BEM TE APOIA.

Adicionar legenda

















O BRASIL DO BEM ESTÁ IRMANADO COM A LUTA DOS VENEZUELANOS PELA LIBERDADE E CONTRA O COMUNISMO.

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

sábado, 15 de fevereiro de 2014

PODE ME CHAMAR DE BRASILZUELA.

VENEZUELA ONTEM - 14/02/14  
Ainda chocado com  a violência que está explodindo na Venezuela eu me deparei com similaridades entre aquele país e o Brasil atual.

Vejamos quais são elas:
A Venezuela é dirigida por Nicolás Maduro, que nunca passou de um fantoche de Hugo Chavez.
Morto Hugo Chavez, esse ser abjeto se tornou fantoche de Diosdado Cabello, e aí cabe observação para a ironia do nome; Diosdado significa "dado por Deus", um nome irônico para um traficante de Drogas e Armas, Assassino Frio, enfim, um bandido da pior espécie, que, obcecado pelo poder, domina o Congresso com mãos de ferro, chegando ao ponto de agredir fisicamente a deputados que ousam discordar das suas barbáries.

Expressão de sapiência de Dilma Rousseff
A exemplo a Venezuela, o Brasil também é dirigido atualmente por uma pessoa despreparada, tosca e nem um pouco inteligente, mas que chegou ao poder pelas mãos de lula, de quem sempre foi fantoche servil.
Caso lula venha faltar, o destino dessa criatura desprovida de vida própria é tornar-se fantoche dos bandidos do PT e do PMDB, e aí eu falo de nomes como José Dirceu, José Sarney, Renan Calheiros e outros bandidos de maior ou menor expressão.

Para que isso ocorresse na Venezuela foi preciso alterar a Constituição permitindo que governantes se reelegessem  indefinidamente, aparelhar o Judiciário com a nomeação de Juízes e Promotores bandidos para os cargos chave, empobrecer a população tornando-a cativa das ajudas do governo, destruir os centros formadores de cultura, destruir a liberdade de imprensa, desarmar a população e armar um exército de milícia, transformar o Congresso em um esconderijo de bandidos e dividir o país entre ricos e pobres, estimulando conflitos entre raças, credos e cor política.

Chavez, Diosdado e Maduro - o tripé do mal
Nos 15 anos que Hugo Chavez esteve no poder tudo isso foi feito, Diosdado Cabello tornou-se o todo poderoso Presidente do Congresso, a população empobreceu e se tornou cativa das ajudas governamentais, a cultura e a auto estima do povo desapareceu, a imprensa livre foi sufocada graças a leis aprovadas por Cabello, a Suprema Corte e o Congresso se transformaram no que Hugo Chavez sonhou, um valhacouto.

No Brasil está ocorrendo a mesma coisa, só não conseguiram mudar a Constituição, mas tentaram reiteradas vezes.
Por conta do Estatuto do Desarmamento o cidadão brasileiro está desarmado e refém do banditismo.
O Judiciário, salvo poucas e honrosas exceções está tomado por bandidos de toga.
Os Centros Formadores de Cultura, estão sendo destruídos pelos sistemas  de Cota, pelo sistema de admissão nas Universidades, e a corrupção ideológica que grassa solta no Ministério da Educação e Cultura, MEC.
A Liberdade de Imprensa está, a cada dia que passa, mais cerceada e vigiada.
O Exército de Milicia do Lula é o MST, que já tem treinamento de guerrilha urbana e na selva, mas existem outros, ligados ou não a ele, como os Sem Teto,  a UNE, e outros menos notáveis.
As Bolsas tornaram uma enorme quantidade de brasileiros cativos das ajudas do governo.
Quanto ao Congresso, creio ser dispensável falar a respeito.

Os resultados também são muito semelhantes;
Enquanto a corrupção e os gastos com a manutenção do sistema de sustentação levaram a Venezuela à bancarrota, À desindustrialização,ao desabastecimento e à fome; no Brasil, esses mesmos fatores estão levando a Economia ao caos, e, problemas pontuais de desabastecimento já começam a aparecer.

A corrupção levou à falência a PDVSA, petroleira exportadora, hoje obrigada a trocar milhões de barris do seu petróleo cru por gasolina e diesel refinados em outros países, especialmente com os Estados Unidos, situação em muito semelhante ao da Petrobras, que viu seus lucros se perderem num mar de corrupção, incompetência e desmandos, enquanto que o endividamento aumentou assustadoramente, a ponto de suas ações despencarem a níveis abissais.

A criminalidade venezuelana atinge hoje níveis assustadores, e isso se deve em muito pela proximidade de políticos e militares com o tráfico de drogas, situação que, aos poucos vai se mostrando semelhante aqui no Brasil. Recentemente, um coronel o Exército Venezuelano foi pego com 500 kg de cocaina, enquanto que no Brasil, o helicóptero de um senador da república foi surpreendido com a mesma quantidade da droga.

Quando nos tornaremos uma Venezuela eu não sei, mas, se o PT e seus asseclas se mantiverem no poder por mais 4 anos eu não tenho nenhuma dúvida que chegaremos a 2018 na mesma situação.






sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

BOLSONARO: DIREITOS HUMANOS SÃO PARA HUMANOS DIREITOS






Poucas vezes eu concordei plenamente com o Deputado Jair Bolsonaro, desta vez ele arrasou.

Vale a pena assistir até o final.


terça-feira, 21 de janeiro de 2014

PASSE LIVRE, BLACKBLOCS E ROLEZINHO - TUDO A VER ENTRE ELES.

Faz quase um ano, mais precisamente no dia 06 de Fevereiro de 2013 eu publiquei um texto intitulado "OS COM DIREITO E OS COM DEVERES", e nele eu procurei mostrar o que está por trás dos "movimentos sociais" sustentados pelo lulopetismo, e alguns movimentos que ocorreram nos últimos meses mostraram que eu tinha razão.(OS COM DIREITO E OS COM DEVERES)

Num trecho desse texto eu escrevi sobre "OS COM DIREITOS"
"Aos que pertencem a essa classe social é facultado o direito de invadir propriedades urbanas e rurais, paralisar cidades para propagar vícios ou preferencias sexuais, invadir e depredar escolas, consumir drogas em vias públicas, e, desde que não sejam apanhados, assaltar cofres públicos."


Pois bem, em 7 (sete) meses, três movimentos de massa, com claríssimas motivações políticas perturbaram a sociedade brasileira. Pela ordem tivemos o "Movimento Passe Livre", em seguida, os "Black Blocs" e agora vivemos o movimento dos "Rolezinhos".

Sem entrar no mérito das revindicações de cada um desses movimentos, pois, se analisados os resultados chega-se à conclusão que nada foi conseguido, mesmo porque nada foi pedido, fica claro que  não passaram de movimentos orquestrados por facções político/criminosas com um único intuito, desestabilizar adversários políticos levando pânico à população ordeira e trabalhadora.

Em todos esses movimentos não faltou quem criticasse e quem apoiasse, e, há que se anotar que os autores das críticas defendem a liberdade de expressão, desde que esta venha acompanhada da devida responsabilidade, ao contrário dos apoiadores; estes defendem o indefensável numa sociedade organizada: o direito a manifestação sem a observância de regras mínimas de convivência.

Em todos os três movimentos a sociedade produtiva foi a grande prejudicada no seu direito de ir e vir, no seu direito a propriedade, no seu direito à segurança.

Todos esses direitos foram violados por uma turba anônima, e os esforços do Estado para garanti-los foram taxados de repressivos pela imprensa, e por sociólogos de plantão. Isso me remete a um outro trecho do meu texto de 06 de Fevereiro:
"Para orientar essamassa de manobrao lulo-petismo está escorado pordefensores dos direitos humanos, que, na verdade sãotangedores de rebanho, com a função de emprestar legalidade às ilegalidades praticadas pelos COM DIREITO.
Os grupo detangedores de rebanhoé formado por religiosos das mais diversas crenças, tendências e preferencias, (inclusive sexuais) integrantes do judiciário interessados em carreira fácil e sem percalços, grupos de comunicação inescrupulosos ou amedrontados, sindicatos pelegos e outros menos evidentes."
Por três vezes em apenas sete meses o contribuinte/cidadão teve os seus direitos afrontados por turbas, e, por três vezes os "tangedores de rebanho" tentam calar a quem sustenta este país com o seu trabalho e seus impostos, o que nos transformou definitivamente na outra classe social segundo o lulopetismo  bolivariano; a classe dos COM DEVERES e eu fecho este texto com o mesmo fecho do texto de quase um ano atrás:

classe dosCOM DEVERES”, também apelidada deZELITEScabe apenas trabalhar e pagar impostos, trabalhar e pagar impostos, trabalhar e pagar impostos. esqueci alguma prerrogativa dessa classe? Ah!! nas horas vagas, trabalhar mais para pagar mais impostos, porque o movimento dos Rolezinhos nos tirou até mesmo o direito de irmos ao Shopping com a família com segurança.

Também é permitido aos COM DEVERES expressar comentários quanto às atividades dos COM DIREITOS, desde que estes sejam favoráveis. Os comentários desfavoráveis serão severamente censurados".
TRISTE REALIDADE A NOSSA.